sexta-feira, 6 de agosto de 2010

Fotos e Videos de Casadas gostosas e safadas

Fotos e Videos de Casadas gostosas e safadas


Vídeos de sexo grátis com mulheres casada muito gostosa fudendo em filme pornô, há muitoas cenas nos filmes do Brasileirinhas.
Onde fazem muto sexo oral, e cenas de sexo anal, elas adoram dar a buceta gostosa, e gostam de dar a bundinha. A mutos contos erótico de mulheres casadas que relatam suas traições e aventuras, gostosas peladinhas e trepando muito gostoso. As casadas mais gostosas do Brasil. Bucetas, mulheres nuas e sexo grátis é aqui.

O relato que vou contar é para aquelas pessoas que assim como eu têm ou tiveram medo de realizar sua fantasia sexual. Minha fantasia na verdade era muito simples, queria saber como era transar com outro homem já que em toda minha vida só havia feito isso com meu marido. Meu casamento vai bem, tenho meus filhos, 30 anos, 1,60 de altura, frequentadora das salas de Bate-Papo.

Sérgio também é casado, tem filhos, 35 anos, 1,86 de altura. Bem já podem imaginar que minha aventura teve início em uma dessas salas de Bate-Papo... Conheci Sérgio, na verdade fui eu quem o abordou primeiro, então iniciamos uma conversa bem gostosa e é claro que também muito picante (ele sempre era mais ousado que eu). Nossa rotina foi esta durante algumas semanas, nos conhecemos no bate-papo depois por fotos, por fim nos encontramos em um parque da cidade.

Estava muito nervosa com este encontro, afinal estava fazendo algo fora do meu cotidiano, jamais pensei que teria coragem de estar com outro homem. Nosso encontro foi rápido, nos beijamos várias vezes, conversamos e quando já estava quase na hora de irmos embora Sérgio levanta minha blusa e dá uma chupada em meu seio...nossa, fiquei sem fôlego, excitada e ao mesmo tempo assustada. Ele me pede para beijar seu pau sobre a calça, meio assustada fiz, e senti como ficou excitado.

Continuamos a teclar nas salas de Bate-Papo e nosso excitamento já era tão grande que marcamos um outro encontro só que agora no motel, enfim iríamos colocar em prática tudo que escrevíamos um ao outro pela Net. Chegou o grande dia... Passei o dia todo nervosa e com medo. Pensei várias vezes em desistir, me perguntava onde estava com a cabeça, achei que estivesse louca, insana...o dia foi passando e as horas chegando.

Tomei um demorado banho, me perfumei, vesti calcinha pequena preta e sutiã meia taça da mesma cor e usei um vestido (tudo sugestão de Sérgio).

Nos encontramos em um local da cidade e de lá seguimos para o motel. Sérgio percebeu como eu estava visivelmente nervosa, cheguei a suar, mãos trêmulas, boca seca. No motel, fiquei perdida, não sabia o que fazer. Sérgio estava tranquilo, calmo, pegou o vinho e após abrí-lo me serviu um copo o que para mim foi uma maravilha. Bebi aquele copo todinho enquanto Sérgio foi tomar banho.

Tentei me acalmar mexendo em tudo quanto era botão naquele quarto de motel, mas em vão, não havia meios de me acalmar até que Sérgio sai do banheiro enrolado com uma toalha... estava sentada na cama, pegou em minhas mãos, seus olhos brilhavam, me pôs de pé, acariciou meus braços, minhas costas, me beijou. Lembro de seus beijos...hhuuummm começou com um beijo calmo de boas-vindas e depois passou a ser mais quente, mais exigente, suas mãos me apertavam, minhas mãos percorriam seu corpo, passei a mão em seu bumbum, suas coxas, senti sob a toalha como estava excitado, retirei a toalha e peguei em seu pau que latejava em minhas mãos, estava quente, muito duro.

Uma das mãos apertava meu bumbum, depois meus seios e a outra ia desabotoando o vestido até que este caiu sobre meus pés foi aí que Sérgio ficou ainda mais tarado. Parou de me apertar para admirar minha lingerie meu corpo... pediu para que desse uma voltinha, vi seu olhar de satisfação, após isso empurrou meu sutiã de lado e começou a chupar meus seios, chupava tão bem que esqueci que ele era um estranho, ora chupava um, ora chupava outro, eu gemia e ele me chamava de "Putinha Gostosa" por fim tirou o sutiã.

Deitou-me na beirada da cama, admirou meu corpo e foi tirando minha calcinha, abriu minhas pernas e começou uma deliciosa chupada. Chupou minha xaninha com muita vontade, pude sentir sua língua quente me invadindo, me lambendo, me comendo fazia com tanta maestria, fiquei muito excitada, ele percebeu porque disse que estava muito molhadinha. Enquanto era chupada seu dedo entrava e saia da minha xaninha gemia loucamente, minhas pernas ficaram trêmulas, puxei seus cabelos. Foi aí que perguntou o que eu mais queria então pedi para que me comesse, foi o que fez em seguida...após colocar a camisinha, ficou sentado na cama aproveitei sentei sobre sua vara que estava doidinha prá me comer.

Fui sentindo sua vara entrando em mim, cada centímetro, senti como pulsava, isto foi me excitando mais e mais pude sentir como Sérgio me queria...sua vara entrava e saia de minha xaninha, ele chupava meus seios cada vez mais, sabia que isto me excitava muito. Eu rebolava em sua vara, ele segurava meu bumbum apertava e dizia que um dia ia querer comer ele também. Mudamos de posição, fiquei de quatro e Sérgio me admirou mais ainda, dizia sempre que eu era sua putinha gostosa. Senti novamente sua vara me invadir. Estava tão molhadinha, tão excitada, estava sendo devorada, comida por outro homem.

Gemia de prazer e Sérgio judiava cada vez, ora só colocando a cabecinha e ora colocava aquela vara todinha dentro de mim. Gozamos bem gostoso, Sérgio me lambuzou todinha estávamos suados e ainda cheios de prazer e foi aí que disse a ele que queria lhe dar um presentinho...peguei seu pau com as mãos olhei pra ele e fui colocando todinho em minha boca, chupava a cabecinha, passava a língua em toda sua vara, enfiava todinho em minha boca, deixava entrar e sair, Sérgio gemia muito, estava muito excitado, sentia seu pau molhado, sentia seu sabor em minha boca. Enquanto chupava seu pau, puxava meus cabelos e fazia com que o engolisse mais e mais.

Ele gozou bem gostoso e encheu minha boca com sua porra, continuei a chupá-lo e ouvia dizer que eu sabia chupar uma vara como ninguém que estava realizado. Depois disso tomamos um banho e fomos embora. Ainda nos falamos no bate-papo e já nos encontramos outras vezes, mas isso é outra história que num futuro muito próximo prometo relatar.


Fotos de casal

0 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Início